Cá estou

Agosto passou e esqueci de dar meu depoimento de aniversário de quatro anos deste blog e de seis anos que pisei pela primeira vez em solo Português: um pequeno passo para a humanidade, mas um grande passo para a minha vida (muitas vezes postados aqui). Pensava que já tinha vivido situações suficientes para fazer da minha estadia em um outro país um evento maleável. Não sabia eu que estava completamente enganada. Ao cruzar as portas de desembarque do aeroporto, fui invadida por um turbilhão de dificuldades e diferenças das mais variadas ordens que ficava ainda mais complicado por não perceber o que as pessoas falavam (embora, como eu, falassem português). Um mundo completamente novo se descortinou para mim. Além dessas dificuldade técnicas e do clima, ser estrangeiro, e, ainda por cima, brasileirA, não traz muitas facilidades, principalmente para quem está sem companhia. Conheci algumas pessoas, mas sofri por ter medo de demonstrar sentimentos, de ser transparente, de ser mal interpretada, e por estar longe da minha família, costumes e amigos. Conheci, também, imensas coisas e tudo foi uma excelente experiência para mim, mas fui bravamente fustigada por uma nova cultura, uma nova lógica de viver, da qual tive muitos problemas para me adaptar e aprender sozinha. Passou-se um ano e voltei para o Brasil. Momentos ruins, muitos bons e pessoas que conheci ficaram gravados em minha memória como tatuagem e fizeram de mim uma pessoa mais forte e segura. Levei no coração uma pessoa muito especial que, depois de mais um ano, conveceu-me a regressar para Portugal, desta vez sem data para voltar e sem nenhuma previsão de emprego. Dia-a-dia fui ficando e cá estou, com ele, há quatro anos, casada, com outras experiências profissionais e, agora, a espera de um filho, que desejo que seja feliz e realizado em sua plenitude nessa terra que o irá abraçar e que adoptei como minha.

4 pensamentos sobre “Cá estou

  1. Uau, vc está grávida! Meus parabéns!!!!!!! Espero que essa(e) luso(a)- brasileiro(a) venha com muita saúde e te traga muitas felicidades!

    Pois é. Só quem vive/viveu fora sabe o que se passa. nao é pra qualquer um, muitos desistem nos 3 primeiros meses. Nao é o mar de rosas que a maioria pensa, ao contrário. Eu ainda estou aprendendo, mas nunca vou aprender a liçao de cor, acho que nunca colocarei fim nessa sensaçao de estar de passagem. Nao sei se vou conseguir sentir que isso aqui é meu lar mesmo.

    Enfim, vamos tocando o barco.

    beijos!

  2. Parabéns pelo baby!!!
    Acompanho o teu blog desde 2008 (quando decidimos vir para Portugal) e através de vc eu conheci um pouquinho do que poderia encontrar ao chegar em terras lusas. Estar aqui é muito bom, mas tem muitos percalços e muita decepção também.

    A saudade da família e dos amigos, a frieza do povo, tudo isso machuca um pouco, faz o dia a dia ficar um pouco mais difícil, mas com o tempo a gente se habitua e consegue suprir um pouquinho a falta do que tínhamos lá em terra brasilis.

    Mesmo sem saber, vc me ajudou muito em passar por algumas fases complicadas, e o que me resta agora é te agradecer demais e te desejar toda a felicidade do mundo!!!
    Super beijo!
    Carol.

    • Olá, Carol,

      Desculpe-me, mas só agora vi a sua mensagem no meu blog. Muito obrigada pela força. Espero que você esteja se dando bem também por terras lusas, ehehehe. Todas devemos ter passado por complicações semelhantes, especialmente as difíceis. Bem, boa sorte para todos(as), né? Espero ser sempre útil em sua vida.

      Um grande abraço.

  3. Uau! Adorei seu depoimento!
    Encontrei seu blog no google ao pesquisar sites que falassem sobre estrangeiros em Portugal.
    Estou prestes a ter esta experiência e seu blog está sendo bastante transparente com o que talvez eu vá me deparar.
    Continuarei acompanhando-a e parabéns pelo blog!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s