O pulsar de uma vida

Hoje tenho completas 29 semanas de gravidez. É a primeira vez que escrevo sobre esse assunto. Andava muito preocupada em construir um mundo para a bebé cá fora e, na verdade, não pensava muito na vida dela cá dentro. Nestes ultimos dias, as coisas parecem que tomaram um outro rumo: passei a perceber clara e fortemente os movimentos da minha filha e a sentir a vida pulsar dentro de mim. Antes, a experiência que tinha disso era o desenvolver de uma barriga e ver um desenho borrado em uma ultrassonografia. O bebé agora deu um pontapé na minha emoção e me sinto apanhada, finalmente, pela ideia de pôr um ser humano no mundo. Experienciei um ultrassom em 4D, que, infelizmente, não resultou devido à posição da criança dentro do últero. Esse equipamento dá para vermos mais nitidamente os contornos do bebé. Deu para ver um bracinho a mexer, mas o rosto estava escondido. Aquela imagem deixou-me perplexa. Tudo era tão pequeno… Já passa das 24h, mas o que vi ficou gravado em minha mente. Debulhei-me em lágrimas e um misto de sensações tomou conta de minha alma. Tive pena, preocupação e amor diante da fragilidade daquele momento. Minha médica depois me aconselhou a tentar às 32 semanas, quando o bebé está maiorzinho e não faz tanta impressão. Sempre tive preocupação de trabalhar para que, no que dependesse de mim, corresse tudo bem para a saúde de minha filha, mas agora… tudo é recheado de muito mais amor e carinho.

3 pensamentos sobre “O pulsar de uma vida

  1. Amiga, esse é apenas o início de muitas emoções, daqui a pouco será por causa do primeiro choro, amamentar, o primeiro sorriso pra vc, o desenvolvimento como um todo: os movimentos, sons, a interação com o mundo… Enfim, isso foi o que eu vivi até aqui, ainda há muito o que acontecer. Aproveite bem, pois esses primeiros momentos serão únicos. Já tenho saudades da minha barriga!!!! Bjs.

  2. Olá Sandra! Que bom vc de volta com um novo blog mais intismista e cheio de entrelinhas (que eu adoro) e com novidades também. Meus parabéns pela gravidez, que em 2011, a plenitude da maternidade seja uma constante na sua vida. Bjs

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s